Avaliação do clima de segurança numa indústria de espumas a partir das atitudes e comportamentos dos trabalhadores

  • Rafaela Pereira
  • Hernâni Veloso Neto ISLA
Palavras-chave: Atitudes e comportamentos de segurança, clima de segurança, cultura de segurança, QTCCS

Resumo

Todas as empresas têm a sua identidade, sendo perspetivada nas práticas de gestão e nos comportamentos individuais e coletivos dos seus trabalhadores, podendo influenciar positiva ou negativamente as experiências diárias de segurança e saúde no trabalho. É, portanto, pertinente conhecer e avaliar as características intrínsecas de cada organização e a respetiva perceção dos seus trabalhadores para definir caminhos de melhoria. O presente estudo de caso teve como objetivo avaliar o clima de segurança de uma indústria de espumas, utilizando o QTCCS - Questionário às/aos trabalhadoras/es sobre clima e cultura de segurança. Os resultados obtidos demonstram que, globalmente, os indicadores de atitudes e comportamentos de segurança manifestados pelos trabalhadores foram positivos, no entanto, é possível identificar áreas de melhoria, nomeadamente em termos de comunicações de segurança, controlo dos efeitos do ritmo de trabalho na segurança e internalização dos preceitos da segurança pelos trabalhadores.

Publicado
2021-01-24
Secção
Artigos